Cassilandia Jornal

notícia publicada em 17/05/2017 �s 08:44:38

Cassilândia: Pai e filho matam vizinho a tiros após discussão por causa de arame
 
Cassilândia Jornal   
Valdir Alves de Assis, de 67 anos, caiu em uma emboscada e foi morto a tiros, por Rance Cleverton Grein, de 33 anos que foi preso e pelo pai Lourival Grein, de 53 anos que está foragido. O crime aconteceu às 12 horas do último dia 14 na fazenda Água Limpa, em Cassilândia.
Segundo registro policial, testemunhas relataram à polícia que Valdir foi até a casa onde moram Rance e o pai, para saber porque Lourival tinha se queixado por ele ter jogado arames no corredor da fazenda. Depois de alguns minutos de conversa, Valdir apontou o dedo para Lourival e disse que um dia os dois se encontrariam no corredor.
Depois disso, Rance entrou na casa, pegou uma espingarda e disse que Valdir estava ameaçando o seu pai. O homem atirou duas vezes, mas os tiros não acertaram a vítima, que conseguiu correr em direção a camionete dele que estava na porteira.
Lourival se armou com outra espingarda e correu atrás de Valdir que não conseguiu ligar o veículo e com a aproximação do autor do crime, desceu da camionete pela porta do passageiro tentando se esconder de Lourival. Porém, Rance chegou por trás e atirou duas vezes nas costas de Valdir.
Como se não bastasse, Lourival atirou na cabeça de Valdir. Testemunhas disseram ainda que Rance encorajou o pai a matar o vizinho gritando que era para acabar com a vítima de uma vez. Depois do crime, Lourival fugiu e jogou as armas no rio. Rance ligou para a Polícia Militar, tentou contar uma versão de legítima defesa, mas acabou preso.


Fonte:

Comentários
 Mais notícias
 
Morre a professora Nina (v. 54)
 
Comissão rejeita licenciamento ambiental como condição para licitação de obras e serviços (v. 54)
 
Congresso Nacional aprova primeira LDO sob vigência do teto de gasto (v. 55)
 
Paranaiba: Nelo agradece Agraer pela doação de patrulha mecanizada (v. 52)
 
Wesley Ferreira solicita novas luminárias nos dois lados da Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira em Cassilândia (v. 44)